03/01/10

A Fuga de Peniche


Foi um marco na história de Portugal, a fuga de dez homens , entre eles Álvaro Cunhal, Francisco Miguel, Jaime Serra, de uma das prisões com maior vigilância à altura, com a ajuda de um dos sentinelas e de outros homens que os aguardavam no exterior (entre eles o actor Rogério Paulo) para levarem a fuga a bom termo. Esta fuga, de grande espectacularidade, foi altamente premonitória (e contributiva) do fim do regime fascista que imperou no Estado Novo.
Foi há 50 anos, no dia 3 de Janeiro.

5 comentários:

Armando Sena disse...

A Silvia virada para a história política. Quem diria?

smvasconcelos disse...

Armando: Já lá vão muitos anos! :) bjs,

Fernando Samuel disse...

Uma bela fuga rumo à vitória...

Um beijo.

smvasconcelos disse...

Fernando Samuel: foi, sim. :) E ainda há quem não a entenda, nem a importância de a relembrar...
beijo,

O Puma disse...

Bjs muitos