04/07/10

Porque (também) Vale a Pena Lutar!


Para os que fingem não ver, não querem saber , assobiam para o lado e acham que as Lutas são inúteis e passeios de lunáticos.
Ou simplesmente para os que têm medo ou se sentem acorrentados, como na imagem...
É claro que o sentido da luta é mais profundo, global e colectivo, mas Brecht não podia ser mais "sagitífero". Eis o poema:

Primeiro levaram os comunistas,
Mas eu não me importei
Porque não era nada comigo.

Em seguida levaram alguns operários,
Mas a mim não me afectou
Porque eu não sou operário.

Depois prenderam os sindicalistas,
Mas eu não me incomodei
Porque nunca fui sindicalista.

Logo a seguir chegou a vez
De alguns padres, mas como
Nunca fui religioso, também não liguei.

Agora levaram-me a mim
E quando percebi,
Já era tarde.

Bertolt Brecht

3 comentários:

Fernando Samuel disse...

Muito, muito actual...

Um beijo.

Armando Sena disse...

A batalha da Bêbora...lol

smvasconcelos disse...

Fernando Samuel: É Brecht:)) Beijo.

Armando: essa n sei o que é, mas há batalhas que são (deveriam ser) de todos nós...:) beijos