19/04/10

Homem, Abre os Olhos e Verás



Homem,
abre os olhos e verás
em cada outro homem um irmão.

Homem,
as paixões que te consomem
não são boas nem más.
São a tua condição.

A paz,
porém, só a terás
quando o pão que os outros comem,
homem,
for igual ao teu pão.

Armindo Rodrigues

Quem se lembrará do Mário Viegas a declamar este poema? Nunca mais se esquece...

4 comentários:

Nelson Ricardo disse...

Belas ideias, as que povoam esse poema, daqueles que as pessoas deviam aprender desde pequenos. Seguramente, inspiraria nobres sentimentos e teríamos, pelo menos, uma sociedade mais fraterna, que reconhecesse a urgência de lutar pela justiça.

smvasconcelos disse...

Nelson Ricardo: sim, a mensagem do poema é clara: sem igualdade não há justiça, não há Paz.bj,

Fernando Samuel disse...

Armindo Rodrigues é um dos GRANDES.

Um beijo.

smvasconcelos disse...

Fernando Samuel: mesmo GRANDES! :)) Beijo!